Skip to main content
Category
Exposições
Paulo Lisboa – Ciclóptico
Small Description
Curador: Sérgio Mah
Image
Paulo Lisboa
Mobile Image
Paulo Lisboa
Image Credit
Fotografia de produção, cortesia do artista.
Terminou
05/10/2023 - 11/03/2024
Text

Ciclóptico, uma exposição individual do artista português Paulo Lisboa, inclui uma instalação e vários desenhos maioritariamente concebidos no último ano.

 

Na prática artística de Paulo Lisboa, é notória a estreita cumplicidade entre o desenho, os materiais e os dispositivos óticos a partir da qual o artista desenvolve uma persistente experimentação sobre as suas potencialidades estéticas e percetivas. É um imaginário que convoca uma longa genealogia de modos de representação visual, desde os mitos sobre a origem da imagem (e da arte), passando pelo uso da camera obscura e, mais recentemente, pelos aparatos do tempo da técnica e da eletricidade que vieram exponenciar o horizonte de possibilidades na captação e projeção da imagem – como aconteceu com a fotografia, o filme e o vídeo. Por outro lado, podemos também enfatizar que é um trabalho que se centra nas qualidades físicas e estéticas da luz, como meio e como matéria.

 

A forma circular destaca-se no conjunto das obras, bem como o uso do carvão, cuja aplicação em suportes de alumínio e vidro implica processos morosos e calculados de sedimentação por camadas. Na interação entre o carvão e os seus suportes, importa relevar os possíveis efeitos de opacidade, transparência e reflexo, ou seja, diferentes formas de reação lumínica. Com uma notável economia de meios, estas obras de Paulo Lisboa exprimem a sua vontade de traduzir a luz em desenho, na sua forma mais pura.

 

Paulo Lisboa nasceu em Lisboa, em 1977. Estudou Pintura na Escola Superior de Tecnologias – Instituto Politécnico de Tomar e frequentou o mestrado em Desenho na Faculdade de Belas-Artes de Lisboa da Universidade de Lisboa. Das suas exposições individuais destacam-se The Last Photon on the Retina (Sabrina Amrani Gallery, Madrid, 2023), Um esqueleto entra no bar… (Fundação Leal Rios, Lisboa, 2020), Asterismo, Sequência para Piano, Guitarra e Projector (com Marco Franco e Francisco Cordovil, Fundação de Serralves, Porto, 2019). Entre as várias exposições coletivas em que participou, são de salientar a BF22 – Bienal de Fotografia de Vila Franca de Xira (Vila Franca de Xira, 2022), Muitas vezes marquei encontro comigo próprio no ponto zero (Atelier – Museu Júlio Pomar, Lisboa, 2019), Anuário – Uma visão retrospectiva de arte no Porto (Galeria Municipal do Porto, Porto, 2019) e Portugal, Portugueses (Museu Afro Brasil Emanoel Araujo, São Paulo, 2016). O seu trabalho está representado em inúmeras coleções, públicas e privadas, como a Coleção Câmara Municipal de Lisboa, e a Fundación Otazu. Paulo Lisboa é representado pela galeria UMA LULIK_ desde 2019.

 

Visitas orientadas
Todos os dias, com exceção das terças-feiras: 17.00
[Visitas gratuitas mediante apresentação de bilhete de entrada no museu.]

 

Indicates required field

wrapper

Escolha o seu idioma
Escolha as newsletters que pretende receber
This question is for testing whether or not you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Declaro que tomei conhecimento da política de privacidade e concordo que os meus dados pessoais sejam recolhidos pela Fundação EDP e tratados para cada uma das finalidades que assinalei.