Room

Sala dos Geradores
Performances

Datas Anteriores

21 Jul 2018
Horas
17h00
duração
40min.
entrada gratuita mediante inscrição:
visitar.maat@edp.pt
Programas / Eventos
Audio Description. Susana Mendes Silva + Abdul Moimême
Audio Description, 2013

 

Audio Description (2013) remete para uma técnica de narração, de imagens ou representações visuais, que descreve a ação, as cenas, o cenário, o que só pode ser visto. O guião, desta performance de Susana Mendes Silva e Abdul Moimême,  foi baseado na novela "As estranhas aventuras do Dr. Z", um original não datado do Reporter X. A ação tem lugar durante os anos sombrios da Primeira Guerra Mundial, quando Lisboa era um palco da espionagem internacional.
Nesta performance, as pessoas cegas ou com baixa visão são as convidadas especiais e o público normovisual terá assistir de olhos vendados. A lotação da sala para o público normovisual está limitada a 55 lugares. É permitida a gravação de som, mas é proibida a captura de imagens.

Esta performance foi apresentada, pela primeira vez, no âmbito do Ciclo Vinte e sete sentidos, com organização da Granular, na Culturgest em Lisboa, no dia 11 de Julho de 2013.

 

///

 

Susana Mendes Silva é artista plástica e performer. Estudou Escultura na FBAUL e frequentou o programa de doutoramento em Artes Visuais (Studio Based Research) no Goldsmiths College, Londres, tendo sido bolseira da Fundação Calouste Gulbenkian. É Doutorada em Arte Contemporânea, pelo Colégio das Artes da Universidade de Coimbra. O seu trabalho integra uma componente de investigação, e de prática arquivística, que se traduz em obras cujas referências históricas e políticas se materializam em exposições, acções e performances através dos mais diversos meios de produção. O seu universo contempla e recontextualiza contextos sociais diversos sem perder de vista a singularidade do indivíduo. A sua intimidade psicológica ou a sua voz são inúmeras vezes veículos de difusão e recepção de mensagens poéticas e políticas que convocam e reactivam a memória dos participantes e espectadores.

 

Abdul Moimême tem formação e atividade em arquitecura, estudou guitarra e saxofone, neste último caso com Patrick Brennan. Participa em projetos com o trio QUEIXAS (com D’Incise e Cyril Bondi), o IKB e ainda a Variable Geometry Orchestra de Ernesto Rodrigues. Abdul Moimême é ainda divulgador de jazz, escrevendo desde 1999 em publicações como o jornal Público e as revistas Jazz.pt, All Jazz e Flirt. Em 2012 colabora no filme “Disaster 501: What Happened to Man?”, um conceito do cineasta dinamarquês Lars von Trier, dirigido por Jenle Hallund.